amor e política

de Maria Gil e Miguel Bonneville

© Joana Linda

Como é que podemos pensar politicamente o amor? Como é que podemos pensar um assunto que é normalmente visto como sendo algo do foro íntimo e privado de cada um? Que relação existe entre os afectos e a forma como nos organizamos socialmente e vivemos uns com os outros? E será a política algo a que voltamos apenas em ano de eleições? Como é que vivemos a política nas nossas vidas, na privacidade das nossas casas?
Nesta palestra performance, a dramaturgia constrói-se à volta de entrevistas realizadas a políticos pertencentes a partidos com representação parlamentar, independentes, e pessoas ligadas a movimentos sociais; bem como, entrevistas realizadas a ex- namorados, cartas de amor e fragmentos de diários pessoais. Durante o espectáculo haverá a recriação de uma performance do século XX.

© Joana Linda
© Joana Linda

FICHA ARTÍSTICA

Criação e Interpretação: Maria Gil e Miguel Bonneville
Espaço Cénico: Pedro Silva
Apoio Dramatúrgico: Filipa Reis
Desenho de Luz: Artur Pispalhas
Produção Executiva e Direcção de Cena: Joana Cavaleiro, Teatro do Silêncio 2015
Fotografia: Joana Linda
Registo Vídeo: Cláudia Alves
Co-Produção: Negócio/ZDB, Temps d’Images
Residência de Criação: Centro Cultural do Candoso
Projecto Financiado pelo: Secretário de Estado da Cultura, Direcção-Geral das Artes
Apoio: Fundação Calouste Gulbenkian, Junta de Freguesia de Carnide, A Padaria portuguesa – Barata Salgueiro, Florineve, WIP Hairport, 5 à sec – Príncipe Real
Agradecimentos: Adriana Lopera, Gonçalo Amorim, Lurdes Caldeira, Manuela Gil, Pedro Gil, Tobias | Agradecimento Especial: Luhuna Carvalho, Maria de Belém, Mariana Mortágua, Miguel Tiago, Paulo Borges, Teresa Caeiro, Teresa Leal Coelho.

 

DATAS

Estreia
14 de Outubro 2015, Negócio – ZDB, Festival Temps d’Images, Lisboa, Portugal

Apresentações
24 de Outubro 2015, Casa da Cultura, Setúbal, Portugal
15 a 17 de Outubro 2015, Negócio – ZDB, Festival Temps d’Images, Lisboa, Portugal

Outras Apresentações
2 Julho de 2015, “Será o Amor um Acto Político?”, Conversas Lisboa 11ª ½, Festival Silêncio, Lisboa.
13-17 de Julho de 2015, Residência Artística, Centro de Criação do Candoso, Guimarães.
14 de Julho de 2015, Comunicação “Narrativas do Eu”, Colóquio Narrativas, Media e Cognição, Universidade Católica do Porto.

Publicação de excertos da palestra-performance:
Cartografia da Fronteiras da Narrativa Audiovisual
Revista Periódicus v. I (2016)
Cine Qua Non Bilingual Arts Magazine (números 10 e 11)